Natixis vende restante participação na Coface por 174,1 milhões

A saída do banco do capital da seguradora de crédito fez-se através de um processo de colocação acelerada junto de investidores institucionais.

O Natixis, instituição francesa de banca de investimento e gestão de patrimónios, alienou os restantes 10,04% que detinha de capital social da Coface, seguradora de crédito e consultora de perfis risco-país. A transação, concluída na primeira semana de janeiro, foi realizada a 11,55 euros/ação e montante total de 174,15 milhões de euros, detalha informação na página eletrónica do banco controlado pelo grupo Banque Populaire et Caisse d’Epargne (BPCE).

Em resultado da venda realizada por colocação exclusiva junto de investidores institucionais, o capital flutuante da Coface S.A. aumentou significativamente, refere o Natixis após concluir transação em que o livro de ordens foi constituído e coordenado pela Natixis Corporate & Investment Banking e o BNP Paribas.
Nicolas Namias, directeur general de Natixis afirma que a transação representa “conclusão da última etapa no processo de saída do capital da Coface,” em linha com a estratégia de alocar recursos no desenvolvimento do negócio core da instituição financeira.

O banco assumiu, há cerca de uma década, que a participação na seguradora não servia a sua estratégia. Depois de ter contribuído para que a Coface fosse admitida em bolsa em 2014, prosseguiu processo de saída da estrutura acionista da seguradora. Em fevereiro 2021, o Natixis alienou perto de 30% da seguradora à filial europeia do Arch Capital Group.

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin